Benefícios de ficar de ponta-cabeça

Benefícios de ficar de ponta-cabeça

Algumas atividades físicas, como a dança, a capoeira, artes marciais, ioga e pilates, apresentam as “posturas invertidas”, em que a pessoa fica de ponta-cabeça.

Além de serem muito divertidas, apesar de difíceis de se fazer, esse tipo de postura é muito benéfica para o corpo em geral. Estimulantes da circulação sanguínea, oferecem uma boa dose de energia imediata para quem as pratica. Também podem ter o efeito contrário – relaxar o corpo inteiro.

Conheça algumas dessas posturas e suas vantagens:

1. Sirsasana
A ioga tem uma postura chamada sirsasana, em que o praticante se apóia nos antebraços e no topo da cabeça, mantendo o corpo em linha reta, como o pavio de uma vela.

sirsasana_ponta_cabeca_iogaÉ uma postura difícil, mas pode ser bastante facilitada se feita com a ajuda de uma parede (e de um bom professor). A sirsasana é fantástica para acalmar o sistema nervoso, contribuindo para a saúde mental e emocional, além da física. Bastam três minutos na postura, três vezes por semana, para começar a sentir seus resultados.

Além de acalmar os sintomas da depressão e da ansiedade, alivia dores na coluna e nas articulações, oxigena o cérebro e também aumenta a autoconfiança da pessoa que a pratica. Mas deve ser feita com cuidado e sob a orientação de um professor de ioga experiente. O peso deve ficar apoiado nos braços, e não na cabeça ou no pescoço.

2. Parada de mão
Na capoeira, a parada de mão é um exercício básico, e corresponde a “plantar bananeira”, ou se apoiar de ponta cabeça apenas sobre as mãos.

Apesar de ser difícil para pessoas que perdem o equilíbrio com facilidade quando estão de cabeça para baixo, este exercício é muito benéfico para a saúde. Feito da maneira correta, como todas as posturas invertidas, equilibra os sistemas do corpo, dá energia e fortalece braços, costas e peito. Também aumenta o foco, a concentração, a coordenação motora e, claro, o senso de equilíbrio.

A parada de mão deve ser feita sob a supervisão de um bom professor. Você pode praticar no início com a ajuda da parede, e afastar-se cada vez mais à medida que se sentir mais confiante.

3. Pilates suspenso
Para quem adora a estabilidade e força oferecidas pelo Pilates, uma boa opção é tentar o Pilates suspenso, uma nova modalidade que utiliza uma estrutura de cabos e tecido resistente para manter os praticantes no ar, literalmente.

abre-AeropilatesComo todas as posturas invertidas, essas posturas de Pilates em que você fica de ponta-cabeça descomprime a coluna, alivia dores musculares e das articulações, equilibra as emoções e aumenta a autoconfiança, entre vários outros benefícios.

Além disso, há algo de mágico em ficar suspenso no ar por longos períodos de tempo. Esses exercícios despertam a criança dentro de nós, que se maravilhava com os malabaristas do circo, quando éramos pequenos. São posturas artísticas que deixam o corpo em posições elegantes e graciosas – quando feitas da maneira certa.

4. Aero Ioga
Também na linha do Pilates suspenso, a Aero ioga usa tecidos resistentes para manter o corpo elevado durante a aula. Com o sistema, é possível realizar várias posturas invertidas sem muito esforço. Os benefícios são os mesmos, com menos risco de lesão, e a diversão é ainda maior.

5. Dança
O pole dance, o break, a dança de salão e outras modalidades de dança possuem passos avançados que requerem ficar de ponta-cabeça. Seus benefícios são principalmente o de dar energia ao corpo e estimular a produção de adrenalina e endorfina, hormônios que mantêm o organismo em alerta e geram sensação de bem-estar, respectivamente.

Como na dança a pessoa fica de ponta cabeça por pouco tempo, os benefícios para as articulações, sistema digestivo e nervoso podem não ser muito notáveis. Mas as posturas invertidas na dança fortalecem os músculos, aumentam a concentração, o senso de equilíbrio e a coordenação motora, além de serem muito divertidas e bonitas de se ver.

em-ritmo-de-capoeira_parada_de_mao

Conclusão:
As posturas invertidas são onipresentes em várias modalidades de exercícios físicos, o que comprova seus vários benefícios para o corpo. Mas por oferecem risco de lesões sérias, devem ser praticadas com supervisão.

Além dos benefícios acima, ficar de ponta-cabeça também ajuda o sistema digestivo, relaxa os órgãos internos e aumenta a integração mente-corpo. Experimente!

Categorias: Fitness