Como funcionam os shakes para emagrecer?

Como funcionam os shakes para emagrecer?

Todas as pessoas que já tentaram emagrecer conhecem alguma marca de shakes, produtos que promovem a saciedade pelo seu alto teor de fibras e proteína, mas que não têm muitas calorias. Eles são usados para substituir as duas primeiras refeições do dia – almoço ou café da manhã — e prometem resultados rápidos, sem pôr em risco a saúde, mas será que os shakes funcionam mesmo?

Neste artigo, falaremos mais sobre estes produtos e daremos alguma receitas caseiras para que você possa prepará-los em casa, gastando menos na sua dieta!

De que são feitos os shakes para emagrecer?

Os shakes são geralmente compostos por proteínas, carboidratos, fibras e vitaminas. Devem ser misturados ao leite animal ou vegetal para serem consumidos como um substituto do café da manhã ou do almoço, juntamente com uma fruta pouco calórica, como uma maçã.

Não é recomendado substituir o jantar por um shake. Também não se deve substituir duas refeições por dia com o produto, para não gerar carências nutricionais, fadiga e cansaço, entre outros problemas.

O recomendado é usar o shake como um complemento da dieta, sobretudo naqueles momentos em que você não tem tempo de preparar uma refeição mais elaborada.

Quais os riscos de usar shakes para emagrecer?

O alto teor de proteína presente nos shakes pode sobrecarregar alguns órgãos vitais, como o fígado e os rins, além de alterar o metabolismo, gerando um caos interno no corpo. Também pode gerar a perda de músculo ao invés de gordura, e causar desidratação, ao aumentar a concentração de solutos dos fluidos do corpo, levando as células a perder água por osmose.

Tudo isso pode ser evitado se a pessoa que estiver fazendo dieta mantiver uma alimentação saudável e equilibrada, e utilizar os shakes apenas durante alguns dias da semana, por um período curto de tempo (cerca de um mês, no máximo).

Quais as vantagens de usar shakes para perder peso?

Além de muito saborosos, os shakes levam apenas alguns minutos para ficar prontos. Você só precisa de um liquidificador e um pouco de leite. Para quem não tem tempo de cozinhar ou de planejar as refeições, é uma alternativa prática.

Na pressa, tendemos a recorrer a alimentos muito calóricos, como as fast foods – nos empanturramos de sanduíches, chocolates e frituras – uma tentativa de saciar a fome rapidamente. Os shakes dão a oportunidade de matar a fome, sem um grande número de calorias adicional.

Como escolher o melhor shake para mim?

Existem algumas marcas de shakes sem glúten, sem lactose, com alto teor de proteínas, com capacidade termogênica, estimulantes, calmantes, ricos em ferro ou em outros nutrientes.

Pessoas com alergias alimentares devem ficar atentas ao rótulo dos produtos. Quem quer ganhar massa muscular pode escolher as marcas que têm alto teor de proteína, e quem quer perder peso rápido pode preferir os termogênicos. Se você não abre mão do sabor, procure pelos shakes de chocolate, baunilha e com sabores familiares, como capuccino (ideal para o café da manhã).

Receita de shake caseiro para emagrecer

shakes_caseiros

Ingredientes

200 ml de leite desnatado
1 maçã
1 colher (chá) de chia
1 colher (chá) de farelo de aveia
1 colher (chá) de linhaça

Preparo:

Misture todos os ingredientes no liquidificador. Se preferir, adicione adoçante e gelo.

Shake saboroso e nutritivo

Ingredientes

½ mamão papaia
2 morangos
1 banana
2 colheres de sopa de aveia
100 ml de leite desnatado

Preparo:

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Não é preciso adoçar, pois as frutas já são bem doces. Este shake é mais calórico, mas muito nutritivo. A aveia promove a saciedade e evita a fome por um bom tempo.

Você pode adicionar seus ingredientes preferidos aos shakes, como nozes trituradas (ricas em proteína e gordura saudável), goji berries, ameixas (boas para os intestinos), damascos e frutas secas, entre outras opções saudáveis.

 

Categorias: Fitness