Existe idade ideal para engravidar?

Existe idade ideal para engravidar?

Muitas mulheres se perguntam qual a idade ideal para engravidar. Até conseguirem se estabilizar na carreira, encontrar um parceiro para a vida, sentirem-se estáveis e maduras o suficiente para serem mães, mais de três décadas podem ter se passado. Por isso, cada vez mais mulheres no Brasil e no mundo estão engravidando acima dos 30 anos.

Os médicos afirmam que a idade ideal para engravidar seria entre os 20 e 35 anos. A partir dessa idade, o envelhecimento dos óvulos é mais rápido, aumenta o risco de complicações na gestação, como o diabetes e a pressão alta, e aumenta muito o risco do bebê apresentar a Síndrome de Down, um problema genético caracterizado por vários sintomas, geralmente acompanhada de dificuldades no aprendizado e doenças cardíacas.

gravidez_aos_35_anosEntretanto, as mulheres que decidem engravidar com mais idade têm várias vantagens a seu favor. Até a década de 60, a idade considerada ideal pelos médicos para a mulher engravidar ia dos 18 aos 25 anos. A partir dos 25 anos, a mulher já era considerada velha e a gravidez, classificada como “de risco”. Nem precisa dizer como as coisas mudaram da década de 60 para cá.

As mulheres alcançaram a independência profissional e financeira, e passaram a ter outras prioridades, além de ser mãe e construir uma família. Assim, a decisão de engravidar foi cada vez mais adiada. Se a tendência continuar, talvez, a “idade certa” para engravidar seja cada vez mais estendida no futuro. Nos Estados Unidos, estima-se que o número de mulheres que engravidam com mais de 35 anos quase duplicou nos últimos anos, e também duplicou entre mulheres que decidem ser mães por volta dos 40 anos.

Uma mulher mais madura também consegue criar filhos com mais estabilidade emocional e financeira, sem ter que passar pelas dificuldades enfrentadas por mães mais jovens, que tentam conciliar carreira, estudos e a maternidade.

Por outro lado, não há como negar que há desvantagens em engravidar após os 35 anos. Como os óvulos são mais antigos, e eles envelheçam como qualquer outra célula do corpo, há maior chance de abortos espontâneos.

Entretanto, muitas mulheres sofreram abortos e conseguiram, apesar disso, ter uma gravidez posterior normal, dando à luz um bebê saudável.

Se você está planejando ter filhos após os 35 anos, o melhor é se preparar mesmo antes de começar a engravidar.

— Consulte um bom ginecologista/obstreta, que possa lhe acompanhar durante a gestação e dar dicas de como ter uma gravidez saudável. É importante que você se sinta confortável com o profissional que escolher, então procure um médico que lhe dê confiança.

— Seu médico não precisa necessariamente ser um especialista em fertilidade, mas ele saberá como orientar a futura mãe sobre como aumentar as chances da fecundação. Mesmo para as mulheres mais jovens, as chances de fecundação por ciclo são de 25%, ou seja, se a mulher tem uma vida sexual ativa e não está usando métodos anticoncepcionais, a previsão é de que leve até quatro meses para ocorrer a fecundação. Em mulheres com mais de 35 anos, esse período pode ser maior.

gravidez-apos-35-anos— Ao contrário do que a maioria das pessoas acredita, a idade do pai também é importante para a saúde do bebê. Pais com mais de 50 ou 55 anos podem aumentar o risco de certos problemas genéticos, como a Síndrome de Down, porque os gametas do pai (esperma ainda não desenvolvido) poderiam conter falhas genéticas. Ainda que os estudos a respeito ainda não sejam conclusivos.

— Provavelmente, o médico vai receitar ácido fólico para a mulher que esteja tentando engravidar após os 35 anos, antes mesmo da fecundação. Isso porque as vitaminas do complexo B promovem a formação saudável do sistema nervoso do bebê.

— Na primeira consulta, o médico provavelmente passará todos os exames de rotina e mais alguns específicos para mães mais maduras. Também fará um exame clínico para avaliar as condições gerais de saúde da futura mamãe.

Engravidar em qualquer época é um desafio emocionante para as mulheres. Alguns anos a mais não impedem que você realize o sonho de ser mãe em sua plenitude. Lembre-se de manter uma vida saudável, com dieta balanceada e prática de exercícios regulares, e curta bastante o lindo sonho da maternidade.

Categorias: Saúde