O que você precisa saber sobre o estrógeno

O que você precisa saber sobre o estrógeno

O estrógeno, também conhecido como estrogênio, é um dos dois principais hormônios sexuais femininos, assim como o progesterona.

Entre vários outros fatores, ele é responsável pelas características físicas femininas e é essencial para as funções reprodutivas.

A voz fina, a ausência de pelos na face, a maciez da pele, os seios e os quadris mais largos são algumas das características promovidas por este hormônio. Seu correspondente nos homens é a testosterona.

Mas o organismo masculino também produz estrógeno, só que em quantidades menores.

Por que o estrógeno é importante?

O estrogênio ajuda a desenvolver as mudanças físicas que transformam uma menina numa mulher, no período da vida conhecido como puberdade.

Essas mudanças incluem:

  • Crescimentos dos seios
  • Crescimentos de pelos pubianos e nas axilas
  • Início do ciclo menstrual

O estrogênio ajuda a controlar o ciclo menstrual e é importantíssimo para a gestação. Ele também possui outras funções:

  • Regula o colesterol no sangue
  • Protege a saúde dos ossos, tanto nas mulheres quanto nos homens
  • Afeta seu cérebro (incluindo o humor), ossos, coração, pele e outros tecidos

Como o estrogênio funciona?

ovariosOs ovários, que produzem os óvulos da mulher, são a principal fonte de estrogênio no corpo. As glândulas adrenais, localizadas sobre cada rim, também produzem pequenas quantidades desse hormônio, assim como o tecido gorduroso.

Por ser um hormônio, o estrogênio é transportado pelo sangue até vários órgãos e partes do corpo.

Seu corpo produz três tipos de estrogênio:

1. Estradiol: o tipo mais comum em mulheres em idade reprodutiva
2. Estriol: O principal estrogeno durante a gravidez
3. Estrona: O único estrogênio que seu corpo produz após a menopausa (quando cessam os ciclos menstruais)

Quais os problemas relacionados aos níveis de estrogênio?

Por várias razões, seu corpo pode produzir estrogênio em excesso ou em quantidades deficitárias. Ou a mulher pode receber altas doses desse hormônio, seja devido ao uso de pílulas anticoncepcionais, seja por causa de uma terapia de reposição hormonal.

Quando os níveis estão baixos demais

A causa mais comum para baixos níveis de estrogênio na mulher é a menopausa ou a retirada cirúrgica dos ovários.

Os sintomas incluem:

  • Ciclos menstruais menos frequentes ou interrupção total da menstruaçãomenopausa
  • Calores (se sentir, subitamente, muito quente), e/ou suores noturnos
  • Problemas para conciliar o sono
  • Secura e sensibilidade vaginal
  • Baixa libido
  • Variações de humor
  • Pele seca

Algumas mulheres sofrem com uma forte enxaqueca logo antes de seu período menstrual, por causa da queda no estrogênio.

Em homens, baixas taxas de estrogênio podem levar a excesso de gordura abdominal e a baixa libido.

Quando as taxas estão altas

Em mulheres, o excesso de estrogênio pode levar a estes problemas, entre outros:

  • Ganho de peso, principalmente na cintura, quadril e coxas.conheca-o-cha-que-derrete-a-gordura-corporal
  • Problemas menstruais, como sangramento leve ou intenso.
  • Piora da Tensão Pré-Menstrual
  • Fibrocistos nos seios (cistos não cancerígenos nos seios)
  • Fibroides (tumores não-cancerígenos no útero)
  • Perda do apetite sexual
  • Sentimento de depressão ou ansiedade

Os homens também são afetados por taxas altas demais de estrogênio. Eles podem apresentar seios aumentados, problemas para manter a ereção e infertilidade.

Se você acredita que está passando por problemas relacionados às taxas desse hormônio, consulte seu endocrinologista para saber qual o melhor tratamento.

Com informações de hormone.org

 

Categorias: Saúde