Os Monitores De Calorias Funcionam Mesmo?

Os Monitores De Calorias Funcionam Mesmo?

Os rastreadores de fitness podem ser a motivação necessária para se manter no caminho certo durante um treino de cardio de alta intensidade. Ver aumentar o número de quilómetros percorridos, o maior número de pesos levantados ou outro parâmetro que seja possível medir pode ser gratificante e altamente recompensador.

fitness-trackerAinda tão popular como os rastreadores de fitness são os monitores de calorias. O primeiro foi inventado em 1977 e desde então muitos são os que usam esta ferramenta para controlar os seus treinos. Contudo esta pode não ser a ferramenta certa para ajudar as pessoas a alcançarem os seus objetivos de treino.

A importância de controlar o consumo de calorias
Em laboratórios ou centros de alto rendimento existem máquinas altamente especializadas como um electrocardiograma (ECG), que permite medir a frequência cardíaca. Conseguem ainda medir o índice metabólico, ou seja, as trocas de oxigénio. Só assim é possível determinar mais corretamente as calorias perdidas.

Mas os contadores de calorias que são usados normalmente no ginásio ou na rua usam medidas muito mais simples uma vez que são desenvolvidas para uso pessoal e de forma por vezes ate divertida e despreocupada. As passadeiras rolantes do ginásio, por exemplo, pedem o peso e a idade para fazer uma previsão de quantas calorias são queimadas durante o exercício, sem medir dados complexos como o ritmo cardíaco.

É claro que os valores usados são elaborados através da análise de um grande quantidade de pesquisas e informações BH-BoxsterDual-3sobre o consumo de calorias durante a prática de deporto, contudo esses valores não se adequam a cada pessoa. Temos de compreender que cada indivíduo tem um metabolismo distinto.
E como o consumo de calorias é afetado por peso, sexo, idade, composição corporal e intensidade do exercício, o valor indicado pela máquina nunca vai ter 100 por cento de precisão.

Quanto aos aparelhos e maquinas de ginásio que controlam a frequência cardíaca, eles podem não estar usando o batimento cardíaco para determinar quantas calorias são queimadas. Em vez disso controlam o seu ritmo de passos, uma forma incorreta de determinar a frequência cardíaca.

Por outro lado os rastreadores de fitness são mais precisos, com erros que variam entre os 9.3 % e os 23.5%. Estes aparelhos realmente medem a frequência cardíaca pelo que os dados são mais corretos. De qualquer modo são valores de erro que podem enganar mesmo os mais habilidosos em estatísticas e probabilidades.

Conclusão
monitor-cardiaco-relogio-20802-MLB20198061838_112014-FOs monitores que medem diretamente a frequência cardíaca e outros dados são a melhor aposta. Em segundo lugar para melhor opção são as calculadoras no equipamento de exercício. Em última opção será sempre as calculadoras em sites ou aplicações para telemóveis, uma vez que não utilizam nenhum feedback direto que seja real. Em geral, quanto maior o número e parâmetros medidos, mais precisos são os valores.

Mas para quem realmente quer melhorar o seu fitness ou perder peso as calculadoras de calorias pode ser úteis mas estão longe de ser a única ferramenta disponível. O melhor é não depender de números puros e focar-se na mudança de estilo de vida como tomar as escadas ou andar de bicicleta para o trabalho.

Categorias: Fitness