Podemos Realmente Ficar Viciados Em Cocaína Após Experimentar Uma Vez?

Podemos Realmente Ficar Viciados Em Cocaína Após Experimentar Uma Vez?

Quem não gostava de experimentar tudo nem que seja uma vez? Contudo seguir sempre esta ideia pode não ser o mais benéfico para a saúde. Experimentar uma comida diferente, algum vegetal que não tenha um aspeto delicioso, não é a mesma coisa que experimentar drogas recreativas. Mas experimentar uma droga parece algo mais interessante para a maioria das pessoas uma vez que cerca de 37 porcento da chamada geração internet já teve contacto com drogas ilícitas. Álcool e maconha são as drogas mais experimentadas enquanto a cocaína e ópio continuam ainda a ser um mistério para muitas pessoas.

toxicos-3Neste artigo são reveladas algumas informações sobre a cocaína de modo a compreendermos melhor se é possível ficarmos viciados nesta droga depois de a experimentarmos apenas uma vez.



Breve História da Droga

A cocaína é um composto químico extraído do arbusto Erythroxylon coca, cujas folhas têm sido usadas há milhares de anos. No início de 1500 os exploradores europeus verificaram que os Incas e os Peruanos mastigavam folhas desta planta para aliviar a depressão e como anestesia. Mas só no seculo 19 o composto ativo da planta da coca foi isolado, e surgiu a forma mais pura da cocaína. Começou por ser usada em medicina, devido ao seu efeito anestésico local bem como estimulante, contudo em 1922 o governo dos EUA baniu para sempre o uso desta molécula uma vez que os pacientes ficavam extremamente viciados sendo a molécula considerada um grande risco devido ao seu grande potencial destrutivo. Hoje é classificada como droga de classe II, significando que tem um elevado potencial para o abuso.

Desde a década de 1970 que esta droga começou a ganhar reputação nas ruas, sendo que continua a ser a droga mais cara por grama do mundo.


6bfba48de1ca865415bd2b1ee5e4dda1_articleEfeito da droga

Esta droga altera diretamente o funcionamento do cérebro e provoca alterações na perceção e humor e consciência. O efeito que se obtêm depende da forma como é tomada. Existem tempos e efeitos diferentes dependendo se está fumando, injetando ou cheirando a droga. A cocaína quando administrada leva ao aumento de dopamina no cérebro e o aumento desta endorfina promove alterações na forma como nos sentimos e tornamo-nos mais extrovertidos e energéticos, mas ao mesmo tempo mais agitados, erráticos e paranoicos.


Ficar Viciado

O aumento de dopamina quando te toma droga é extremamente elevado e o cérebro habitua-se rapidamente a esta quantidade enorme de dopamina, pelo que se tem desejos e vontade de tomar outra vez a droga. Assim é muito difícil largar o vício da cocaína. Em algumas pessoas uma única dose de cocaína pode não causar dependência, mas aproximadamente 15 porcento da população pode ficar viciada com apenas uma única dose desta droga.

cocaine-396751_640Cerca de 15 a 60 minuto após a administração da droga o cérebro sente a queda significativa dos níveis de dopamina pelo que podemos sofrer de ansiedade, remorso e desejo por mais cocaína.


Conclusão

Tomar esta droga uma vez pode não ser suficiente para causar dependência. A predisposição para o vício depende de fatores como estresse e características genéticas. Contudo mesmo que seja só para experimentar, mesmo que seja só uma administração, a droga irá produzir efeitos colaterais no seu organismo.

Categorias: Saúde
Tags: Cocaína, Droga, Vicio