Quebrar Mitos Sobre A Gordura

Quebrar Mitos Sobre A Gordura

4tipos-de-gorduraAs gorduras alimentares têm sido muito criticadas ao longo dos últimos anos, mesmo quando algumas das investigações científicas demonstram que estas não são assim tão más. Na verdade a gordura é necessária em uma dieta equilibrada.
Certas gorduras ajudam a sentirmo-nos mais completos e podem até ajudar a reduzir o risco de certas doenças e permitir um melhor controlo dos níveis de açúcar no sangue.
Vamos então olhar para alguns mitos sobre as gorduras alimentares e tentar compreender se são ou não verdadeiros:

1 – As dietas com baixa quantidade de gordura são as mais saudáveis.
Tirar uma conclusão sobre este mito não é muito simples como muitos fazem parecer.
Desde o ano de 1940 que os cientistas sabem que existe uma ligação entre dietas ricas em gorduras e o aumento do teor de colesterol no sangue. Sendo assim surgiu a ideia de que se deve comer poucas gorduras e mais hidratos de carbono.
Os alimentos com baixo teor de gordura têm a vantagem de não contribuírem para a acumulação de gordura mas por outro lado são ricos em açúcares refinados e hidratos de carbono. Além disso existem alguns estudos que demonstram não existir prevenção de doenças cardíacas quando se opta por comer uma dieta pobre em gorduras.

2 – A gordura é toda igualgorduras_tipos
É verdade que todas as gorduras fornecem nove calorias grama, mas não são todas iguais.

– Gorduras Monoinsaturadas: estas gorduras podem diminuir o risco de doenças cardíacas. Este tipo de gordura pose ser encontrado em nozes, azeite, amendoim e outros frutos secos. A dieta mediterrânea é rica em este tipo de alimentos.

– Poliinsaturadas: este tipo tem os mesmos benefícios que as monoinsaturadas. O ómega-6 e o ómega-3 são provavelmente as gorduras poliinsaturadas mais conhecidas e que ajudam em diversas funções vitais do nosso organismo.
Contudo existem algumas evidências que mostram que as poliinsaturadas podem aumentar os níveis de colesterol total.
Podem ser encontradas em lacticínios, óleo de coco, carne de porco e outras carnes vermelhas.

– Gorduras Trans:
Este tipo de gorduras tem sido associado ao aparecimento de doenças cardíacas e colesterol alto, não tendo nenhum benefício para a saúde.
É um tipo de gordura artificial, que se encontra em bolos, bolachas e biscoitos processados.

3 – Mito de que todos os alimentos ricos em gordura aumentam o gorduras-que-fazem-bem-a-saude-2colesterol.
O colesterol é uma substância que se encontra na gordura do sangue e que é necessária para determinadas funções celulares. A variação dos níveis desta substância dependem dos tipos de gordura e hidratos de carbono ingeridos, bem como de outros factores como a genética ou idade.
Gorduras saturadas e trans realmente elevam os níveis de colesterol, pelo que se deve reduzir a sua ingestão. Já as gorduras insaturadas podem ajudar a reduzir o níveis desta substância no sangue.

Resumindo
Comer gorduras mono ou poliinsaturadas é necessário para uma dieta equilibrada e saudável. Se comer cerca de 44 a 78 gramas por dia de gordura (tendo em conta o padrão normal de ingestão calórica) não irá ganhar aquele pneu na barriga que tanto detesta.

Categorias: Alimentação